SEPULTURA: MACHINE MESSIAH

por N8 Prods postado


Alguns conhecidos e alguns amigos feitos mais recentemente, vira e mexe, me perguntam porque eu não frequento bares de rock. A resposta é simples: Já frequentei bares de rock demais. Pode não parecer, mas fui precoce para algumas coisas e hoje já tenho mais tempo vivido, que a viver.

Assim que fiz 18 anos, fui morar em São Paulo, primeiro na casa de uma tia, depois sozinho e por fim, dividi quitinetes, algum tempo com namoradas, algum tempo com amigos. Estou falando do final da década de 80, começo de 90. Só ouvia Iron Maiden, AC/DC, Black Sabbath, Judas Priest, Motley Crue...

Frequentei dois lugares na Av. Celso Garcia, ZL de São Paulo, que eram templos undergrounds do heavy metal, hard rock e similares. Eram o Fofinho Rock Bar e a Led Slay, casas que tinham 20 anos de funcionamento na época e que não sei se ainda funcionam. Lá, tive contato com outras culturas, modismos e sons. Conheci o punk rock da Carolina, a face fascistóide dos carecas do abc, o pós-punk, o indie rock, a cena dark. Enfim, conheci o rock nacional em todas suas vertentes.

Ok! Muitos anos passaram e algumas coisas mudaram. Sim, mudaram. Só que eu mudei ainda mais. Hoje, apesar de conhecer inúmeros músicos que tocam em bandas de rock e donos de bares de rock, por tudo quanto é lugar, tenho outras preferências musicais e comportamentais.

Sei lá, aos poucos, fui me afastando dos bares e da cena rock. Procuro por coisas mais contemporâneas e nesse sentido, a maioria dos picos que conheço tocam as mesmas coisas que ouvia na Lad Slay e no Fofinho, há mileanos. Olha…posso estar errado, já que nunca fiz uma enquete sobre o tema, portanto minha percepção não deve ser a verdade absoluta, mas basta ver a programação desses locais pra entender minha teoria.

Conheci Sepultura enfiado naquela época e contexto descrito acima e pirei. Tanto que ainda ouço Sepultura com assiduidade. Em meu parco entendimento, essa é uma banda sem precedentes no cenário da música brasileira e mundial. No mínimo, é uma das bandas mais longevas, com maior poder de renovação e conceito em seus álbuns. Basta saber mais sobre as inspirações para discos como Roots, A-Lex, Dante XXI, The Mediator Between Head and Hands Must Be the Heart, por exemplo.

14º álbum da banda, Machine Messiah começa melódico, mas logo tira a máscara de carneiro pra mostrar a face de lobo. É um álbum com grande criatividade. Ele tem elementos pernambucanos, árabes, espanhóis, indianos, linhas harmônicas e melódicas ousadas com solos de teclados, viradas de bateria com tempos quebrados. Tudo muito interessante pra quem não gosta do óbvio.

O site oficial diz, “...Inspirado pelo processo de robotização da nossa sociedade, o álbum lançado em 13 de janeiro via Nuclear Blast Records. O álbum foi produzido pela banda (Paulo Jr, baixo - Andreas Kisser, guitarra - Derrick Green, vocal - Eloy Casagrande, bateria) e Jens Bogren (Soilwork, Opeth, Katatonia, Amon Amarth) no Fascination Street Studios, em Örebro, na Suécia. A impressionante arte da capa de Machine Messiah foi criada pela artista filipina Camille Dela Rosa.”



Dê o play, macaco!
Download | Facebook

Sepultura - Machine Messiah (5:54)
Sepultura - I Am The Enemy (2:27)
Sepultura - Phantom Self (5:30)
Sepultura - Alethea (4:31)
Sepultura - Iceberg Dances (4:41)
Sepultura - Sworn Oath (6:09)
Sepultura - Resistant Parasites (4:58)
Sepultura - Silent Violence (3:46)
Sepultura - Vandals Nest (2:47)
Sepultura - Cyber God (5:22)
Sepultura - Chosen Skin (Bonus Track) (3:17)
Sepultura - Ultraseven No Uta (Bonus Track) (1:17)

Salve Salve Antonio Carlos Nicolau, 44, com formação em TI, é produtor cultural. Suas primeiras impressões musicais estão entre 1980 e 84 por meio de especiais de TV para crianças (A arca de Noé I e II, Pirlimpimpim, Pluct Plact Zuum). Em 1985, assistiu, também pela TV, o Rock in Rio e logo teve o primeiro LP do Iron Maiden em suas mãos. Desde então vem de sentidos abertos a quase tudo e todos.

0 comentários:

 
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES POR EMAIL!

Inscreva seu email para receber nossas atualizações. Garantimos bom conteúdo e nenhum spam!

QUERO FAZER PARTE DO TIME!
Você escreve e quer publicar aqui suas resenhas sobre música? Faça parte do nosso time de colaboradores! Clique aqui para entrar em contato.
ENCONTROU ALGUM LINK QUEBRADO?
Clique aqui para nos informar sobre links quebrados ou qualquer erro ocorrido. Agradecemos e tentaremos corrigí-los o quanto antes.

FACEBOOK

Fique sempre atualizado

Queremos te manter informado! Inscreva aqui seu email e passe a receber automaticamente as nossas atualizações e novidades em sua caixa de entrada!