ERNEST RANGLIN & MONTY ALEXANDER

por Johnny Wazagoo postado
"ROCKSTEADY"

Ernest Ranglin com vista ao mar do Caribe!
Um mestre das teclas mais conservadores de piano medindo forças com um mestre das cordas mais versáteis de guitarra! A comparação entre os dois talvez seja imprudente, cada um deve estar no seu próprio pódio. O termo "somar forças" por ora representa melhor tal escambo de talento. E nesta equação, Monty Alexander e Ernest Ranglin colocam toda sua experiência e primasia, o resultado é um capcioso disco chamado "Rocksteady" (de 2004). Na verdade, a sonoridade deste álbum quase não cerca o tal gênero rocksteady.  O disco trata muito bem o Reggae como um todo, sem andar sobre alguma linha específica.


Como dizia Chico Science: "(...) basta soar bem aos ouvidos". Aqui, soam maravilhosamente bem, sem pressa nem tédio. Nota-se espontaneamente aquele ar, ao mesmo tempo, tranquilo e virtuoso. Ora mais calmo, ora mais enérgico, sempre agradável. Gravado ao vivo, mostra bem a afinidade entre os músicos. que além dos protagonistas traz: o baterista Quentin Baxter, o percussionista Courtney Panton, o guitarrista Junior Jazz e o baixista assombroso Hassan Shakur. Estamos falando de duas figuras de bagagem grandiosíssima para a história da música moderna. Já com mais tempo vivido do que tempo a viver, o repertório dos dois podem ser citados com qualquer termo, menos óbvio. Aspiram versatilidade - já deram pitacos essenciais ao trabalho de centenas de artistas. Entre o Jazz e o Reggae, não há porteiras em que Monty e Ernest não cruzaram ao menos uma vez!

Ilustres clássicos, principalmente da música jamaicana, são delicadamente relidos, reorquestrados e reanimados pelas mãos impetuosas de Monty e Ernest. Na lista entram de Skatalites a Bob Marley, de Augustus Pablo a Burning Spear, de Desmond Dekker a The Congos. Todas as faixas gritam seu poder sem dizer se que uma palavra - exceto em "Pressure Drop", que conta com participação de Toots nos vocais! Sem mais delongas, um disco de calibre alto, com engenhosas melodias, de qualidade benevolente. Destaque para "Row Fisherman", "At The Feast", "East Of The River Nile" e "Marcus Garvey". Inspire-se com a fúria e precisão deste míssel sonoro construído a base de experiência e ousadia. Recomendamos a utilização sem censuras, para se ouvir tanto na preguiça de uma manhã chuvosa, quanto em meio ao caos cotidiano! Deleitem-se sem misérias, meus caros!



Dê o play, macaco!
"[2004] Rocksteady"
senha: oficinademacacos.blogspot.com

1. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Double Barrel (4:55)
2. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Confucius (4:44)
3. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Stalag 17 (4:25)
4. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Marcus Garvey (4:33)
5. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Nightwork (5:21)
6. Ernest Ranglin & Monty Alexander - East Of the River Nile (5:15)
7. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Israelites (4:16)
8. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Row Fisherman (4:52)
9. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Freedom Street (4:37)
10. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Pressure Drop (4:56)
11. Ernest Ranglin & Monty Alexander - At The Feast (5:42)
12. Ernest Ranglin & Monty Alexander - Redemption Song (3:55)

1 comentários:

 
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES POR EMAIL!

Inscreva seu email para receber nossas atualizações. Garantimos bom conteúdo e nenhum spam!

QUERO FAZER PARTE DO TIME!
Você escreve e quer publicar aqui suas resenhas sobre música? Faça parte do nosso time de colaboradores! Clique aqui para entrar em contato.
ENCONTROU ALGUM LINK QUEBRADO?
Clique aqui para nos informar sobre links quebrados ou qualquer erro ocorrido. Agradecemos e tentaremos corrigí-los o quanto antes.

FACEBOOK

Fique sempre atualizado

Queremos te manter informado! Inscreva aqui seu email e passe a receber automaticamente as nossas atualizações e novidades em sua caixa de entrada!