OS IPANEMAS: OS IPANEMAS

por Johnny Wazagoo postado

Dizem que por onde passa boi, passa boiada. A primeira boiada do ano a passar em nossa Oficina de Macacos é mais uma vez o "Samba de Raíz", e nada mais. Wilson da Neves foi quem escancarou esta porteira por aqui e, quase por acaso, é ele quem guia a segunda tropa a ultrapassar nossas fronteiras. Surgem então, Os Ipanemas, causando alvoroço no sertão global. Uma colisão cáustica entre a música ritual do Afrobeat, Afoxé, High-Life, Afro-Jazz e a nossa misteriosa e chalaceada Bossa-Nova! "Se 'panema' é o estado de inibição, melancolia, travamento e culpa, qual o nome do estado de liberdade, ausência de culpa? No tupi-guarani, a partícula 'i', colocada antes do adjetivo, significa 'não'. Portanto, 'não-panema' é Ipanema, diz Cláudio Costa no blog PrasCabeças. Posso dizer que Os Ipanemas pensavam desta forma. Livres pelo caminho da música instrumental, intocáveis pelas influências afroamericanas que carregavam ouvido à fora.

"'Os Ipanemas', quinteto que reuniu os mestres Astor Silva, Wilson das Neves, Néco, Rubens Bassini e Marinho, gravou apenas um álbum com essa formação. O disco, intitulado simplesmente 'Os Ipanemas', apresentou uma combinação de gafieira, bossa nova e samba-jazz, temperados ao balanço dos ritmos afro-cubanos e, também, ao som de um instrumento emblemático de tradição cultural - o berimbau. A sonoridade - muito à frente de sua época - não convenceu o departamento artístico da CBS - um pequeno lote de LPs chegou às lojas em 1964. Fato que, ao longo dos anos, transformaria o disco do quinteto carioca em item de colecionador. O lançamento deste álbum em CD, pela primeira vez, encerra um hiato de mais de quatro décadas." ~Charles Gavin, Coleção Cultura (compre o disco aqui!)

A trupe insaciável era formada por Wilson Das Neves, Astor Silva, Marinho, Rubens Bassini e Neco. Qualquer destaque individual seria subestimado. Astor, a precipitada evidência, brinca como gente-grande, divertindo a todos com seu habilidosíssimo trombone de vara. Marinho  faz seu baixo galopar percussivamente pacífico ou prudentemente informe. Neco e seu violão, quebram sem dó nem piedadE a cadência corriqueira do samba. Bassini quase faz do berimbau uma harpa e do pandeiro uma cuíca. Das Neves mantem a massa homogênea e aerada sem mudar o tempero equivocado cozinhado em sua bateria. Outro ponto alto é o emaranhado construído pelos backing vocals, lembrando o formidável grupo africano Hedzoleh Soundz. São ao mesmo tempo pouco convencionais e muito convincentes. Além de composições próprias, apresentam roupagens culminantes para músicas de Baden Powell, Vinicius de Moraes, Moacir Santos, Orlandivo, Luis Fernando Freire e Roberto Menescal. Este relicário transcendental carrega doses pesadas de rítmo certeiro e poesia melódica. Doses experimentais que somente se misturam sob condições ideais, e que só fazem efeito se consumidas juntas! Destaque para as mais viajadas: "Kenya", "Java" e "Jangal", para a mais calma "Clouds" e para a onerosa "Consolação". Dê o play e encha os olhos de lágrimas, macaco!

"O registro é resultado de uma jam-session 1964 organizado pela Astor Silva e Wilson Das Neves. A idéia era quebrar o molde tradicional dos 'bossa-trio' da época e criar uma banda de Jazz/Bossa mais afiada, permitindo mais liberdade para solos e improvisação. Este é um clássico valioso, um álbum essencial para todos os fãs de música brasileira" ~site da gravadora Mr.Mongo



Dê o play, macaco!
Download | Discogs

1. Os Ipanemas - Consolação (2:50)
2. Os Ipanemas - Nanã (2:22)
3. Os Ipanemas - Se Chegou Assim (3:04)
4. Os Ipanemas - Kenya (3:04)
5. Os Ipanemas - Zulu's (3:18)
6. Os Ipanemas - Clouds (2:40)
7. Os Ipanemas - Adriana (1:38)
8. Os Ipanemas - Garota de Ipanema (2:36)
9. Os Ipanemas - Jangal (2:34)
10. Os Ipanemas - Berimbau (2:39)
11. Os Ipanemas - Congo (3:28)
12. Os Ipanemas - Java (3:15)



Salve Loronix (o melhor da categoria)

4 comentários:

 
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES POR EMAIL!

Inscreva seu email para receber nossas atualizações. Garantimos bom conteúdo e nenhum spam!

QUERO FAZER PARTE DO TIME!
Você escreve e quer publicar aqui suas resenhas sobre música? Faça parte do nosso time de colaboradores! Clique aqui para entrar em contato.
ENCONTROU ALGUM LINK QUEBRADO?
Clique aqui para nos informar sobre links quebrados ou qualquer erro ocorrido. Agradecemos e tentaremos corrigí-los o quanto antes.

FACEBOOK

Fique sempre atualizado

Queremos te manter informado! Inscreva aqui seu email e passe a receber automaticamente as nossas atualizações e novidades em sua caixa de entrada!